Escritórios de Advocacia

Embora muitos escritórios de advocacia aconselhem clientes a terem um programa de compliance, nem todos eles possuem seus próprios programas de compliance.

As regras de ética jurídica não tratam de riscos comuns a organizações corporativas e um código de responsabilidade profissional não é o mesmo que um código de conduta para uma organização e nos negócios de uma forma geral.

Um programa de compliance robusto é mais do que apenas conformidade legal e em conexão com um código de conduta, quando implementado em um escritório de advocacia:

  • Fornece aos funcionários as ferramentas para tomar as decisões certas
  • Ajuda novos associados a reconhecer, identificar e aprender como lidar com questões de ética corporativa
  • Identifica e gerencia riscos de fato
  • Promove uma cultura ética
  • Dá ao escritório de advocacia uma vantagem competitiva
  • Protege contra danos à reputação e outras exposições negativas

Um programa de compliance bem implementado permite que uma organização gerencie e evite riscos, ao mesmo tempo que cumpra as leis e regulamentos aplicáveis.

Os escritórios de advocacia podem até ter protocolos em vigor que cobrem os riscos associados à ética profissional. No entanto, existem algumas medidas que não são abordadas de forma adequada, como segregação de fundos de clientes, gerenciamento de conflitos, conflitos de interesse e sistemas de cobrança.

Um programa de conformidade abrange assédio no local de trabalho, discriminação, retaliação, privacidade, fraude, roubo, mídia social, cibersegurança, negociação com informações privilegiadas, lavagem de dinheiro, suborno, propinas, métodos de denúncia de problemas que pode ser feita anonimamente, protocolos de investigação e programa de não retaliação. Muitos escritórios de advocacia não criam programas de compliance que tratem dessas questões.

Um código de conduta exige que todos os funcionários sigam a cultura da empresa.

O treinamento de funcionários de escritórios de advocacia sobre as regras, regulamentos e leis aplicáveis, combinado com a ética corporativa, ajuda a alcançar um ambiente onde todos os membros da organização podem efetivamente seguir os procedimentos de conformidade e aderir à cultura da empresa.

Por exemplo, o procedimento “conheça seu cliente” ao iniciar um relação com um cliente é fundamental. Nem todo escritório de advocacia possui tal procedimento estabelecido, mas existem recursos acessíveis disponíveis para verificar seus clientes, tanto as pessoas físicas quanto as jurídicas. Isso economiza tempo na coleta de informações de pessoas e de empresas, e fornece dados relevantes sobre um novo ou potencial cliente de um escritório.

É necessário para um escritório de advocacia nomear um líder de compliance e criar um comitê de risco dentro de sua estrutura. A pessoa indicada, em conjunto com o comitê, é responsável pela gestão de risco e compliance na organização, bem como pelos sistemas de controles internos.

Compartilhar as responsabilidades com as pessoas de dentro e de fora de uma organização, incluindo parceiros e terceiros em geral, ​​é certamente uma forma importante de focar a atenção em compliance e de tornar todos os envolvidos responsáveis ​​por sua própria conduta.

Vale lembrar que os escritórios de advocacia em todo o mundo estão enfrentando exigências crescentes na área de compliance.

Um escritório de advocacia com um programa de compliance bem implementado tem uma vantagem competitiva. Os escritórios de advocacia são prestadores de serviços e seus clientes precisam saber que seus fornecedores levam a sério a integridade, a ética e o respeito às leis.

Solicite uma Consulta

    Este formulário não deve ser usado para transmitir informações relacionadas a qualquer tipo de representações atuais ou futuras. Se você estiver interessado em nossos serviços, as informações de contato estão disponíveis nas páginas de visão geral de cada serviço. As informações em www.praevenireus.com destinam-se ao uso geral e não constituem aconselhamento jurídico. O uso e o recebimento deste formulário não têm como objetivo criar e não constituem uma relação consultor-cliente. Qualquer coisa que você escrever neste formulário não será confidencial ou privilegiada. Se enviar este formulário, você confirma que leu e entendeu este aviso e nossa política de privacidade.

    NOSSOS CLIENTES

    Atendemos empresas de pequeno, médio e grande porte que buscam negócios de valor agregado a preços acessíveis: organizações sediadas nos EUA que operam internacionalmente, bem como empresas latino-americanas e outras empresas estrangeiras que fazem negócios nos EUA.